terça-feira, 9 de março de 2010

Decisão!

Estou às voltas de ter de tomar uma decisão! Muito difícil!
Ainda não consegui discernir qual a vontade de Deus, para mim!
Mas, no fundo, somado ao medo está a preocupação de reduzir os meus trabalhos para Deus e da possibilidade de atrapalhar os compromissos no final de semana... Por outro lado um dinheiro a mais não faz mal... E fica também a sensação de se estar ficando para trás uma vez que muitos que trabalham comigo receberão esta atribuição "plus" também...
Meu coração tem batido descompassado para tentar encontrar uma resposta para a decisão...
Mas ontem fui ao médico e pode ser que eu tenha que fazer um tratamento... O que atrapalharia...
Hoje, na missa, o canto de comunhão foi "Não temas - Grupo Logos" e o refrão falou forte, no meu coração... "Meu servo não temas! Não temas pois Eu te escolhi! Sei que é difícil, mas confia em Mim. Confia em Mim e então tu verás o Meu Poder!"
Outra música que fica martelando no meu pensado é o refrão do Hino da CFE 2010 "Vós não podeis servir a Deus e ao dinheiro, e muito menos agradar a dois senhores..."
Enfim, estou sob a Vontade do Pai...
Farei o que Ele quiser...
Orem por mim, por favor, para que eu possa entender o que Deus quer que eu faça...
Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo!

Um comentário:

Mari disse...

Oi Reninha!
Adoro suas visitas, obrigada por aquelas palavras, me fizeram muito bem...Como Deus é bondoso conosco, nos faz precisar dos irmãos, o que seríamos sem irmãos???
Quanto a sua decisão, pense bem, coloque os pontos positivos e negativos, mas entregue a Deus. Se existir dúvidas, pense mais. Decisões que vem de Deus trazem paz, aprendi isso mais fortemente agora.
Acho que temos que ter o tempo para as coisas divinas e para as da terra, pois como Deus fala em provérbios: o salário do justo é para sua vida, e precisamos dele para viver no mundo, ele sabe disso.
Fiquei muitos anos cuidando do espírito e por um ano no blog diariamente, porque não conseguia emprego....aprendi que tem o tempo de DEus e ele permite os acontecimentos, no tempo dele mesmo. No tempo dele consegui o emprego(depois de 9 anos formada) e o blog já por si se sustentava, para ajuda do próximo, que foi o objetivo. Fiz muitas amizades aqui, mas neste 1 ano que passou, tive que trabalhar fortemente, para buscar o tempo que passou, e DEus compreendeu isso, aliás, sabia disso, ele sabe de tudo, dos nossos tempos. Então, fique calma, deixe acontecer e não se culpe, porque precisamos dos pilares da vida. Não fique com coração assim, fica calma, reze Jesus, Maria eu vos amo, salvai almas e me ajude a ir ao caminho certo.
Temos que buscar sempre o caminho do meio, do equilíbrio, se der, obviamente. Precisamos ter a vida espiritual forte, eu particularmente preciso me cuidar sempre.
Mas agora a vida começou para mim, faz exatamente 1 ano e 2 meses, voltei a advogar com 36 anos e estou tentando construir meu castelo. Sim, temos direito a nossos castelos e aos cantos da vida, paz, saúde e família, trabalho,casamento, filhos..Por que não? não se culpe por ganhar um pouco mais, ajude um pouco mais também quem precise, deste dinheiro recebido...mas não se culpe. Deus é seu Senhor e ele te conhece bem, sonda seu coração, sabe a quem serve...então não se preocupe. Fica segura, cabeça levantada, pensamento firme e viver feliz. Beijinhos, mari!